header image
 

Ghost in the Shell

Ghost in the Shell apresenta-nos um mundo futurista, onde a tecnologia avançou tanto que tornou possível a existência de corpos totalmente cibernéticos, que vieram a distorcer a definição do que é um ser humano.

Sinopse

No ano 2029, todo o tipo de fronteiras foram quebradas com o mundo inteiro a ser unido numa rede gerida por um sem número de computadores interligados. Com esta nova realidade, o mundo virtual torna-se predominante, e onde outrora existiam nações, existem agora cidades-estado e mega-corporações no poder. Com o aumento do cibercrime, é criada uma divisão de polícia especial para o combater, a Section 9, que para todos os efeitos não existe. A história segue a Major Motoko Kusanagi e o seu parceiro Batou, pertencentes a esta divisão, numa investigação acerca de pessoas que são implantadas com memórias falsas, sendo assim controladas e obrigadas a cometer crimes idealizados por um hacker chamado, Puppet Master. À medida que a história se desenrola, a identidade deste hacker acabará por ficar exposta, e então tudo se revela…

Kusanagi Motoko e o seu parceiro Batou

Opinião

Se são fãs de ambientes sombrios, de dramas psicológicos e até filosóficos então este será um filme que quererão ver. Destaco em especial a problemática do que é um ser humano numa era virtual… será apenas um aglomerado de memórias e personalidade, ou deixando o corpo físico para trás se perderá a nossa essência, a nossa unicidade?  O filme aborda a questão, pegando um pouco num conceito de uma alma virtual… o ghost in the shell. Este tipo de filmes, embora futuristas, acabam sempre por servir de analogia ao desapego que hoje em dias existe com a vida real, preferindo muitas vezes uma vida virtual.

Em termos de história e desenvolvimento de personagens, o filme apresenta-se bastante bom, embora a opinião popular seja que é desapontante para os fãs do manga, pois existem grandes diferenças nas mesmas. Independentemente disso, creio que todos recomendam a visualização deste filme, tendo sido apontado como um dos melhores filmes anime de sempre.

Outro aspecto que acho deveras brilhante é a banda sonora do filme… cria um ambiente brutal a ver o filme de noite.

Aqui vos deixo um excerto do filme (maiores de 16) para verem se é o vosso estilo:

~ by Izilthir on Janeiro 16, 2010 .



3 Responses to “Ghost in the Shell”

  1.   Pereira Says:

    Filme? mas tambem nao saiu uma serie anime?

    eu acho que via isso na sic radical.

    cumps

  2.   Izilthir Says:

    Sim, pralém dos dois filmes também existe a série Stand Alone Complex e ovas e filmes respectivos.

    Mas neste post optei por só falar do filme original.

  3.   laracroftdiva Says:

    Adoro os filmes animados de Ghost in the Shell! O segundo tem uma intro muito original e uma história tocante.

Deixar uma resposta