Histórico

    Procura


MyGames Zon: Vídeo da mesa redonda "Criar Jogos em Portugal"
Por: | 9 de Setembro de 2008 às 15:07 | 4 Comentários

No segundo dia do evento, o ponto mais interessante do dia foi uma mesa redonda sobre a criação de jogos em Portugal.

A conversa foi moderada por Rogério Jardim ex-Player, ex-PSM, ex-PlayStation 2 Oficial, e da última vez que eu vi ainda não era ex da Exame Informática, mas com tanta vontade em ser ex, eu não meto as minhas mãos no fogo. Participaram na conversa Pedro Silva da Ignite Games, Diogo Horta e Costa da Biodroid, Pedro Costa da RTS, e Paulo Gomes da GameInvest, respectivamente da esquerda para a direita.

A conversa foi longa mas eu achei interessante o suficiente para ouvi-la e reter três pontos. Primeiro, ao que parece, Portugal tem os recursos humanos sem défice de conhecimentos. Segundo, o que falta é dinheiro para investir. Terceiro, falam da Nintendo e de como ela veio escancarar as portas do ‘casual’ com os seus jogos focados na jogabilidade. Ou seja, isto começou a fazer na minha cabeça muita confusão porque eu não consigo, por mais que tente, associar o sucesso da Nintendo ao dinheiro, tendo a capacidade técnica. Eu a isto chamaria de “ter ideias” e seria o que faltaria então a Portugal.

Com intuito de esclarecer esta confusão instalada na minha cabeça, perguntei na entrevista que fiz com o Pedro Silva da Ignite Games, o que é que esta linha de raciocínio quer dizer exactamente e fiquei mais descansado com a resposta. Quando falam da falta de dinheiro em Portugal, está-se a falar de coisas enormes como 25mil euros…

Não tenho mais pontos para falar pois quando começaram a falar da Nintendo e do seu sucesso junto do público ‘casual’ apenas pelo lado do Game Design, obviamente que comecei a espumar da boca. A minha bombinha nintendista até entrou em colapso quando eu ouvi dizer que a Nintendo tem uma “máquina” (sentido figurado) que faz os seus jogos continuarem nos tops. É… agora é tão fácil falar da Nintendo. Pergunto-me o que era feito desta “máquina” nos tempos da PS2….

Quem quiser ver ou rever, é só dar uso aos seguintes vídeos.

[vodpod id=Groupvideo.1544603&w=425&h=350&fv=]

[vodpod id=Groupvideo.1544698&w=425&h=350&fv=]

[vodpod id=Groupvideo.1544933&w=425&h=350&fv=]

[vodpod id=Groupvideo.1545335&w=425&h=350&fv=]

[vodpod id=Groupvideo.1545894&w=425&h=350&fv=]
Fui só eu que achei gira a coincidência de todos terem falado na importância de ganhar credebilidade menos o senhor da Biodroid?


4 Comentários no “MyGames Zon: Vídeo da mesa redonda "Criar Jogos em Portugal"”

  1. BLACKZARD diz:

    “Fui só eu que achei gira a coincidência de todos terem falado na importância de ganhar credebilidade menos o senhor da Biodroid?”

    Bruno Patatas FTW!

  2. Piruças diz:

    Muito bom.

    Já agora, comentários ao facto do Paulo Gomes ter sido despedido da GameInvest?
    Gostava de saber o que os gajos que viviam à pala do dinheiro da GameInvest têm para dizer agora. Hehehehehe

  3. Tiago diz:

    Tenho acompanhado de perto a GameInvest e a informação que tenho é que o Paulo Gomes saiu da GameInvest para ser o CEO da Infocapital.

    Pelos vistos agora é responsavel pelos lancamentos de jogos como o GTA IV, WOW, Manhunter2, etc…

    Mas ja ouvi dizer que a estratégia da mudança do Paulo Gomes para lá foi para transformar a Infocapital num publisher/distribuidor internacional.

    Não sei se o fundador da GameInvest (Paulo Gomes) saiu chateado com alguem mas ao que parece ainda é dono de 10% da empresa, por isso ainda deve acreditar nela.

Deixa um comentário

Comenta